domingo, 16 de março de 2008

Ociosidade Como Solução, Musica Que Embala E Tudo Aquilo Que Você (não) Pode Tirar da TV

Pessoas mais próximas a minha pessoa sabem que eu sofro de uma “hiperatividade-do-contra”, ou seja, eu só me torno hiperativo de verdade quando eu sou obrigado a ficar na ociosidade. É o que aconteceu nessas duas semanas de descanso por causa da cirurgia. Tipo, eu não agüentava mais ficar em casa. Eu nunca li tanto, assisti uma porrada de filmes, baixei ilegalmente dezenas de musicas e conversei horrores pelo MSN como nessas últimas duas semanas. Num ataque de não ter nada-mais-de-novo-pra-fazer (porque cultura cansa), eu resolvo partir pro trabalho braçal e num ataque de mania-de-limpeza lavo todo o banheiro do meu quarto. Mas você acha que eu me restringi somente ao chão e ao vaso? Hã-hã! Eu lavei parede, teto, espelho e o tubinho de plástico onde você pendura o papel higiênico. Aí, mães de família que lêem esse blog devem ta pensando, “Que lindo! A mãe dele deve ter ficado super orgulhosa”. Porra nenhuma! Ela lembrou primeiro que todo mundo que eu havia feito uma cirurgia nos ossos do tórax e eu... bem, eu havia me esquecido.

Então, depois de dois dias e meio em que o lado direito da minha lombar pareceu esquecer que a dor que ela produzia não faria eu me arrepender de ter lavado o banheiro (que tinha ficado um brilho pelo menos), eu resolvo (por conta própria, mais uma vez) que já poderia sair de casa. Aí resolvo ir num show de bandas aqui do Acre em homenagem ao Dia da Mulher. Foi bacana, tirando o fato que eu tava de camisa rosa bebê num universo de vestimentas afro-descentes. Tirei um momento também pra analisar as letras das bandas que se apresentaram (pelo menos as que eu peguei). É fato que nos últimos tempos tenho me entregado definitivamente a um momento musical que eu nunca me imaginara, minha playlist não para de tocar Bob Dylan e The Beatles, ficando praticamente resumida a eles (bem, para meu deleite geral, meu irmão descobriu a existência de Gimmi More agora, e eu não agüento mais escutar uma musica que começa com “It’s Britney, bitch!”). Fica difícil então fazer uma análise do que eu escutei no festival, do momento da musica acreana em questão, ou simplesmente, do que eu achei.

Talvez haja uma tendência geral no rock (e não me resumo mais ao acreano) de se fazer musica com letras voltadas para o individualismo psico-social. Traduzindo: sabe aquela porrada de pensamentos sem/com nexo que todo mundo tem, de questionamentos próprios, de o que significa a vida pessoal, da importância de relacionamentos externos formando o próprio caráter? É isso que eu vejo enfocado nas musicas. E admito, isso não me agrada, não importa a melodia em si. E ai talvez esteja a desvantagem de se gostar tanto de Dylan, Beatles e lembrar a todo momento de Legião Urbana e Raul Seixas, pois suas letras pertencem a um coletivo, mais que isso, um pequeno coletivo, que em seu movimento de coletividade, começando sempre por uma minoria, aclamou revolução se espalhando pela maioria e criando um burbúrio gigantesco que não foi pelo sucesso de suas musicas, seus shows e a fortuna que ganharam, mas sim pela idologia e pela chama interna que eram capazes de gerar. Talvez eu goste mesmo de musica que incendeia a alma. E o rock atual no geral, mesmo com melodias que estejam se tornando fantásticas (e nesse ponto dou um mérito as bandas acreanas Blush Azul e, principalmente, a Filomedusa), esta repleto de letras de existencialismo individual, o que pode ser resumido no ideal de: o meu “eu”, que é incompreensível ao “eu” dos outros.

Nada de CD novo com single da Madonna e do Justin Timberlake: manda uma fita cassete metade Dylan, metade Beatles


Ah, devo lembrar que no final do show, a dor do lado direito da minha lombar tinha sumido. Sim! Agora a dor dominava a lombar inteira. Na volta pra casa, (de ônibus, uma glória para dor crônicas na lombar), encontrei uma amiga que ficou super-cara-que-vovó-faz-pra-mim-quando-eu-faço-coisa-errada por me ver fora de casa em pouco mais de duas semanas cirurgiado, “Você ta louco, Samuel?”, e eu quase pedindo pro velho de 80 anos do meu lado deixar seu banco pra que eu sentasse porque eu tava quase um deficiente físico, “Que nada maninha, to de boa, a única coisa que eu não posso fazer é dançar a marcha 4 e 5 do Créu, o resto da valendo”.

Falando em musica, lembrei que se tem uma coisa que a gente faz muito quando ta em casa sem fazer nada, é assistir o horário nobre da Globo. Lá vou eu me gongar de novo, mas eu virei fã de Duas Caras. Gente, essa novela é tudo, primeiro, temos Juvenal Antena, o pai que todo garoto suburbano quer ter, aí vem a Susana Vieira achando que é Madonna com aquele cabelo, gritando “pistoleira siiiim” pra Renata Sorrah e a Alinne Moraes dando um mega show de interpretação mesmo usando botox/enchimento no lábio (sai Nazaré e sua escada de Senhora do Destino, entra Sílvia com vasos para quebrar sempre a disposição). Lógico, tem aquelas pessoas que eu queria pegar pelo pescoço e enfiar a cara na piscina ate ver as bolhinhas pararem de subir como a Maria a Louca e o filho “mamãe-mamãe-mamãe, me dá um Poney?” dela, o Caco Ciocler, naquele papel que se ele parasse de atuar ninguém ia sentir a diferença, e ela, a mulher que mesmo na merda, mesmo com um marido filho da puta em casa, mesmo com dois filhos chatos pra caralho e mesmo infeliz pacas, nunca pára de descer pelo pau, Alzira.


Alzira: "A melhor terapia para a depressão feminia é descer pelo pau. Levanta a auto estima!"

Duas Caras atingiu seu auge com dois momentos. Primeiro, quando a Bárbara (se minha mãe faria, Beth Faria?) pegou a Sílvia de jeito numa chave de braço. Pra vocês terem uma idéia de como essa cena foi impactante, tava toda a minha família no churrasco, quando todos viram a cena houveram gritos de “Eiiiita porra” e “Peeega filha da puta” pra todo lado. E só deu Samuel gritando “calem a boca que eu quero ouvir o que ela vai falar enquanto tiver com a outra presa pelo gogó”. Sentiu o impacto? Não? Corre pra Globo.com então. Segunda cena: todo mundo sabe que hoje não te mais novela das 8 sem gay como personagem, desde viado enrustinho, ate casal que parecia hétero e só vendia beleza, agora os gays da Globo são tão diversificados, mais tão diversificados, que gostam ate de mulher. Logo, a cena em que a turma dos crentes-cavaleiros-do-apocalipse liderados pela evangélica-que-deve-ser-parente-do-Coringa pegaram o viadinho, a vadia e o preibói de jeito, entrou pros anais da história da teledramaturgia brasileira. Finalizando com o Contra-Ataque-dos-Crentes-Bonzinhos e um nascimento a lá Virgem Maria dando a luz a Jesus. Palmas!



Pergunta: por que falar de musica me lembrou Duas Caras mesmo? Resposta: alguém já parou pra ver a playlist internacional daquela novela? Pai amado, “segura Berenice, nós vamos bater”, começamos com Gimme More, da Britney (virou perseguição), 2 Hearts da Kylie Minogue (não, ela não morreu) e Same Mistake do James Blunt (não lembra? Aquele que gritava You’re Beautiful). Dou um toque pros três: a decadência sempre começa assim, na novela das 8, ok? Hurgh! Se pensa que acabou? Então vem a Pergunta-2: o que diaxos a Diana Krall ta fazendo naquele CD mesmo? E pra completar, aquela cara de bunda da Marina Elali cantando o Xote das Meninas (isso mesmo que você leu) em inglês (isso mesmo que você leu²).


Continuando com o horário nobre (imagine se nós tivéssemos um “horário esgoto”) tem o Big Brother Brasil. Marcelo saiu (blá blá blá), a Globo só quer fuder a Thaty colocando uma musica da Cássia Eller e Ana Carolina em seguida e fazendo um mini-clipe dela cantando/gritando sozinha, toda loucaça, numa total imagem de “Eu sou lésbica, siiiim” e o Marcão sem poder falar nada mas com um olhar de “Deus, ela ta se queimando sozinha” (blá blá blá), lá dentro agora só tem idiota (sim, o Rafinha também conta), depois de um mês que o programa acabar, a Natalia pousar nua na Playboy e o Nelson Rubens não tiver mais de onde espremer merda pra colocar no TV Fama
sobre eles, eu vou esquecer tudinho (bla blá blá) e pra completar, Débora Secco vai passar um dia inteiro com os brothers (momento Bial) da casa mais badalada do país (péra aí, volta a fita).

BBB8: Quem são vocês mesmo?


Que porra foi essa? Débora Secco no BBB? E eles ainda pagaram praquilo! Quem é Débora Secco na noite? Ah gente, forçaram! Muito! O máximo que a Secco fez foi a pior interpretação numa novela das 8 (soy loco por ti, América), dar pro Falcão, e atualmente pro Roger (foi a Galisteu que largou ele, ou o contrário?). Aí, ela acorda e ao mesmo tempo se maqueia, nem mesmo escova os dentes antes. Como dizia mamãe, “Ela não tem vergonha de mostrar o rab* na Playboy, mas não tem coragem de mostrar o rosto sem pó.

Para aqueles que acham que o nível desse blog caiu total hoje, boas notícias: a partir dessa segunda feira minha licença médica expira e eu volto a trabalhar lá no hospital (bota 9 horas do meu dia ai), e logo em abril, minha faculdade também recomeça (bota mais 4). Logo, não vou ter mais o mínimo tempo para o horário nobre global... e muito menos vou lavar o banheiro de novo!

15 comentários:

thiago disse...

mas a tv aberta já tem "horário esgoto". começa à meia-noite e termina às 11h da noite.

MatheusS disse...

Quanta coisa.. isso aqui parece o Caldeirão, mas o da Mary Matoso (Vamp, Rede Globo/1992), e não o do Huck, que voltou gora com aquele quadro E-S-F-A-Q-U-E-A-N-D-O, que só presta pra fazer as crianças chorarem quando erram uma letra, acento ou seja lá o que for. Voltando ao assunto.. 'Gimme More' é clássico (ok, não é..pfff!!), mas dá pra ouvir lavando o banheiro.. só não vai tocar no festival de rock, mas desse eu não vou comentar, não tenho autoridade pra isso.. (mas te digo uma coisa, voto Blush Azul pra presidente!!!). 2 Caras, 1000 decepções; a novela das 8 não empolga (até hoje meu episódio preferido foi justamente o da batalha: Crentes Furiosos Vs. Manage Feliz, um show de Bollywood.
A trilha sonora não merece meus comentários, vc já disse tudo. E agora chegou a vez dele, o queridinho da Globo, Big Brother. Será que já teve edição mais idiota? NÃÃÃÃO!! Será que a Globo vai se mancar? NÃÃÃÃO!! Será que.. Aff!! Odeio tudo isso!! E quer saber? Já esqueci de todos eles!! *-* Só não esqueci de falar que a Samuel's Tape caiu muito bem aqui, huaha. Abraços!!!

Kethleen disse...

Amor... adorei o post... vamos aos comentários:
1 - qto as músicas acreanas, não tenho autoridade pra falar nada pq a acústica dos shows nunca me deixa entender as letras =P (mas acho sim que as meninas (e o menino) do Blush Azul mandam bem pra caralho! (ops..rs)
2 - Duas caras é a pior versão já usada pela Globo pra discutir o indiscutível e sim... descer no pau é legal... mas essa de a Alzira sempre argumentar "ele é o pai dos meus filhos" é de matar...rsrs... qto a Maria e o chatinho... concordo em todos os números e sim, estou adorando a Aline Moraes... =)
3 - O BBB8 de todos, foi o pior... mas o que mais faturou em números e cifras (afinal 64 milhões de votos em um paredão) não podemos, no entanto questionar a competência da Globo, T-O-D-O-S os escolhidos são idiotas (acertaram direitinho!rs)
4 - e quem falou aquilo da Débora "seca" foi eu.. hunf!

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Suellen Verçosa disse...

é, e eu estava me perguntando durante toda a leitura...onde está o Samuel culto que eu conheço???

rsrs, pergunta respondida...


Espero que você fique logo bom, porque com certeza vou te chamar pra dançar o créu (tá, o meu nivel de cultura também caiu desde os lugares por one andei em Curitiba)...rsrs

bjus more

Veriana Ribeiro disse...

Dias em casa, horas sem fazer nada, uma licença medica e claro, TV aberta resulta em.... Um post sobe Duas Caras e Bibg Broter....

u.u

2 comentários:
- Realmente espero que vc volte a trabalhar e o nivel volte a ser bom e...

- Queria ter visto a cena dos crentes. Todo mundo ta falando e parece ser tão legal... Mas a porcaria do video n roda no meu pc...u.u

Ah...alguem aqui anda, em seus momentos de tedio, lendo muito TDUD? não estou certa? Porque de cada 10 palavras, 5 eram expressões do site.

Só faltou o "Dá pra colocar na..."

Irlla Narel disse...

E tu tem tempo pra saber disso tudo? Tu n perde uma rpz! kkkkkkkkkkkkkkkk

=*

Manu Falqueto disse...

Oh... é sindrome de todos nós então , essa ociosidade das ferias...Essa semana estou limpando o quintal= carpindo!
xD

Tipo, aqui em casa com antena parabolica que sintoniza todos os canais ainda não cai no horario nobre da globo,mas ai em Rio Branco onde só pega globo....

Oh...tambem estou com muita saudades de você criatura!
bjim
xD

Larissa disse...

ADOREI!=* TE AMO

MH disse...

Como voce fala de varios assuntos, dividi o comentario em topicos. La vai:

* Porra, você tá inspirado pra fazer limpeza? Minha empregada acabou de ser demitida. Encara essa ? rsrsrs

* Acre?? Voce mora no acre??? Jura!! Caraca.. Não conheço ninguém de lea. Que animal!!

* Beatles e o máximo.

* Tambem prefiro musicas que nao olhem so para o proprio umbigo,.. Incendiar a alma e fundamental na vida…e tbem na musica.

* Qdo você sarar continue evitando a dança do creu. É ridiculo. rsrsr

* Minha mulher ama Duas Caras. Eu odeio. Desculpe nao concordar com voce, mas acho aquele pastelão um antro de pessimas atuações (mas respeito sua opinião..e a da minha mulher tambem rsrsrs)

* Quanto ao Big Brother nnca assisti e nao posso comentar.

* Ve se se cuida e nao vai se matar, porra!

* Tu continua escrevendo bem pra cacete (apesar de assistir BBB..hahahahah)

* Abraços meu amigo

Aleta Dreves disse...

é este post me surpreendeu ... mas eu curti ... se sabe né ... se curti é porque gostei muito, mas não me atrevo mais a discutir sobre novela contigo, pelo menos antes das aulas começarem não risos! beijos Samuel... adoro-te!!!

Sol! disse...

Ok, pq a Britney na trilha sonora da novela tanto te revoltou???
Ela se fingiu de boa moça aos 17, ganhou rios de dinheiro com isso!
Teve dois filhos com um ilustre desconhecido, e ganhou rios de dinheiro com isso!
Apareceu sem calcinha em todas as baladas de LA acompanhada da cópia da barbie em forma humana, Paris Hilton, e ganhou rios de dinheiro com isso!
Agora ela lança um CD depois de aparecer gorda e chapada no MVB, com essa pérola de música "Gime More", em cujo clipe, pasme!, ela dança no pau, e ganha rios de dinheiro com isso!

Cara, palmas pra ela, idiota sou eu que ganho meu dinheiro honestamente e não me utilizo dos atributos do meu 44 ou dos meus escândalos particulares pra ganhar a vida. (só pra escrever no blog, mas por enquanto eu ainda não sou paga pra isso!)

I´m waithing for you in the biggest city of south america!

bjocas

O seringueiro Voador disse...

Textos deveras grandes possue este blog.

Atenciosamente,

Near, nem li....

Fred Viana disse...

CRÉEEEEEUUUUUU, CREEEEEEUUUUUUU, CREEEEEEUUUUUU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Agora Samuel, velocidade máxima na número 5!!!!

Danna disse...

Olá! Com muito tempo de atraso (como sempre) vim lhe responder: não, não me mudei. Apenas apareceu uma idéia de eu ir pra fora, mas eu não quis. Sei lá, parece que apesar de tudo eu sou brasileira e não consigo me desprender de um lugar tão legal e bonito como a nossa cidade...

Abraços. ;)

Celso França disse...

Samuel, estava gostando do seu blog, inteligente, sacador, mas discutir novela foi um chute no saco. ME DESCULPE, mas já li coisas suas melhores.