terça-feira, 19 de agosto de 2008

Morcegos Terroristas, Que Primeira Dama Você Quer Para O Seu País E A Busca Pelo Som Perdido

Mesmo trabalhando em dois empregos, a minha situação financeira anda tão preta que eu não estou mais matando cachorro a grito, e sim em linguagem de sinais. Aliás, taí um ponto interessante, eu tenho dois empregos e as pessoas pensam que eu sou rico, é a mesma coisa que colar penas nas costas e disserem que eu sei voar. Com as férias da UFAC chegando eu resolvi que vou voltar a praticar natação depois de quase dois anos parado. Se você pensou, “Menino sem imaginação, só porque acompanhou o Phelps nas olimpíadas agora quer voltar a nadar”, eu repondo, “Lógico!”

Aliás, tava conversando com a Manu sobre as olimpíadas e ela me disse que, “E aí, o que vai acontecer depois que o Phelps tiver quebrado todos os recordes? Ele vai se sentir um frustrado”. Eu não pude deixar de concordar. Claro, é o pensamento mais óbvio que depois de todo o reconhecimento mundial, todos os recordes quebrados, um monte de mulher querendo dá pra ele, mais medalhas de ouro que o Brasil em três olimpíadas e ser considerado sexy simbol mesmo com a cara do Quasímodo, ele se sentiria frustrado. Como mais ele poderia se sentir? Só a Manu mesmo.

Aliás, lembrei que com dois empregos e faculdade manter a natação seria meio difícil. Nem mesmo no meu único horário livre, a madrugada.

Ando tão cansado que ultimamente eu começo a segunda-feira sonhando com a sexta e chegando no emprego A esperando o término do emprego B, pra poder me jogar na cama. Porém, um dia desses, quando eu finalmente entro no meu quarto, jogos os sapatos pro lado e penso em me jogar no colchão, observo um estranho tipo de casulo preto perto da porta do meu banheiro. Intrigado e com meu espírito de “que porra é essa?” aguçado, me aproximei da forma anatômica não definida. E para minha total surpresa, quando eu toquei na coisa... ela se mecheu. Ok, não foi para minha surpresa, eu me desesperei feito uma menininha e sai gritando pela casa na velocidade 5, “TEM UM MORCEGO NO MEU QUARTO, ELE VAI ME MATAR E CHUPAR MEU SANGUE”.

E olha que eu ainda nem assisti o Batman, imagine se tivesse sido uma máscara de palhaço.
“Why so serious?” mode: on

Eu e minha avó montamos planos estratégicos, pensamos na hipótese de um atentado biológico ou forjar um bat-sinal pra enganá-lo e fazê-lo sair do meu quarto, mas sem muito tempo pra isso ficamos com a solução mais simples e funcional, chamar meu avô pra exorcizar o bicho. Meu avô chegou tranquilão e aceitou o caso sem pestanejar. Enquanto ele caminhava na direção do meu quarto eu gritei, “Vô, quer ajuda?”. Ele parou o passo, virou o rosto na minha direção, soltou uma risadinha e disse, “Deixa que eu dou conta”. Naquele momento eu tive a impressão que meu avô era o Chuck Norris.

Depois de estrondos que devem ter superado os tiroteios russos na Geórgia, meu avô saiu vitorioso, e o pobre morcego que entrou no seu caminho, desceu escada abaixo, morto. Pronto para desfrutar meu descanso, finalmente me jogo na cama, ligo a TV e relaxo. Até que o locutor do comercial lança a máxima, “toda a energia da Banda Calypso em uma experiência (heim?) nova... Banda Calypso Acústico. Logo, qualquer possibilidade de eu ter relaxado os músculos e caído em sonolência foram totalmente por água abaixo, eu tive pesadelos a noite toda.



Alguém me diz quem foi o gênio que inventou isso... por favor, me diz!

Nos dias que se seguiram eu não deixei de me perguntar porque diaxos a cena musical brasileira era tão deprimente. E principalmente, por que nenhuma figura musical brasileira era capaz de me fascinar? O que leva a nossa cultura pop a reconhecer ícones tão sem sentido?

Para piorar esses questionamentos, eu finalmente conheci um pouco da fantástica obra musical da badaladérrima primeira dama francesa, Carla Bruni. Ai você depois de se espantar com o adjetivo muito gay pergunta, “Badaladérrima por que afinal de contas?”. Carla Bruni conquistou o coração do presidente Nicolas Sarkozy logo após o rompimento dele com a mulher (alguém sentiu cheiro de chifre? Levanta a mão comigo então!). Por ser modelo internacional, cantora cultuada em toda a França com dois álbuns e linda pra caralho, o romance dos dois foi super comentado no mundo inteiro. O casamento saiu depois de três meses de relação e a lua de mel só pelas fotos parece ter sido ótima. Ou seja, O Diário da Princesa perde.

Mas é a musica o que faz a diferença dessa mulher. O primeiro sucesso mundial de Bruni foi a magnífica canção "Quelqu'un M'A Dit", belíssima e tocante na letra e no som. Seu primeiro álbum foi um estrondo, já o segundo álbum (todos em inglês) não foi tão bem recebido pela crítica, já que era sua tentativa de arrancar sucesso internacional na onda de “Quelqu’um M’A Dit”. O terceiro (lançado somente após o casamento), volta um pouco mais as origens e é um tanto polêmico devido as suas referências as drogas, “Tu es ma Came”, e seus inúmeros (poderosos e ricos) amantes, em “Ta Tienne”.

Na França eles tem Carla Bruni, e no Brasil nós temos a Marisa.

Marisa: usa o cartão corporativo para comprar Contigo! e Quem Acontece

Mas eu não acho que o Lula seja capaz de conquistar alguém que estudou na Sorbonne. Enfim...

Ainda assim, acho que na concepção de artistas com musicas estilizadas e harmonia como arma principal o Brasil não deixa tanto a desejar. Temos Marisa Monte e Adriana Calcanhoto em contrapartida a Carla Bruni. Aliás, eu adorei os últimos álbuns dessas duas. Um tanto frios e melancólicos além da medida certa, mas ainda assim adoráveis. O problema nosso é na cena underground, quase inexistente, quando se fala de musica eletrônica.

Os Estados Unidos não deixam a desejar nesse quesito. Pelo contrário. Eu já havia falado um pouco da cena underground de Nova York na pele do Dangerous Muse, de longe meu duo favorito. Mas o selo californiano Iheartcomix vai muito além disso. As musicas de Acid Girls, The Glamour, Ocelot, dentre outros, são fantásticas, tem o verdadeiro espírito da musica eletrônica, aquela coisa de arrepiar a pele, levar o ritmo da musica as batidas do seu coração e elevar a circulação do seu sangue (sem precisar de drogas). Porém, o verdadeiro destaque do selo vai para as fodásticas Toxic Avenger (com direito a faixa em Need for Speed) e, meu favorito do selo, Hearts Revolution.

Da vontade de ser DJ só por causa deles.

Mas enquanto o cenário musical brasileiro anda a passos de tartaruga das para-olimíadas, o jeito é ir caçando o que o exterior também pode oferecer. Até que outro morcego entre no meu quarto, ou o Ximbinha se empolgue com a guitarra e lance Banda Calypso Heavy Metal.

15 comentários:

Manu Falqueto disse...

Ei!
Eu tambem morri de vontade depois de ver as olimpiadas voltar a treinar judô, mas como não existe isso nesta cidade. Voltei a correr. Quem sabe, não consigo ser uma maratonista...rs...
Sim, falei que o peixe humano, ia se frustar. Porém olhando por outro angulo de vc. Por exemplo, se ele não é ligado a isso(sucesso, dinheiro e mulheres). Nasceu feio, foi zombado a adolescencia toda até se descobrir na natação. Então, para compensar sua exclusão social, decide que vai quebrar todos os recordes que vai ser um gênio. E Pronto, só tem ele. Depois que ele quebrar todos os recordes e entrar para a história para sempre, vai precisar de mais desafio, todo atleta precisa disso, imagine os gênios.

Sim, quanto a musica vc sabe sou do tipo pop, mas juro que andei ouvindo algumas musicas das bandas citadas...influência sua...xD

Bryce disse...

Gênio? Não acho que seja necessário um grande esforço cerebral e/ou criativo para nadar. Ele poder ser um mito, uma lenda, um coracy, mas está longe de merecer a alcunha de gênio. É o mesmo que dizer que o Roberto Justus é um gênio da música.

Samuel, usemos o pensamento lógico. Se nos contos de fadas um sapo beijado vira um príncipe, vc perdeu a oportunidade de beijar o morcego e ele se transformar no Christian Bale. Mas poderia ainda usar a técnica OzzyOsbourniana e arrancar a cabeça do pequeno Chiroptero na dentada e depois, com o sangue do bichinho escorrendo, gritar, isso é CalypsôÔÔÔÔôôôôôÔ.

Daniela Andrade disse...

Olha, vou confessar, não suporto a Marisa Monte. Mas *adouro* a Calcanhoto. Mesmo.

E esse morcego? Você é tão prego que nem deixou espaços pras piadas infames com o Bátima (aliás, vá ver, o filme é excelente)...mas não coma a cabeça do bichinho. É nojento, mesmo sendo suuuuper heavy metal.

=*

Thiago da Hora Souza disse...

"...quando eu toquei na coisa... ela se mecheu..." Quase tive um troço nessa parte. E aproveitei para marcar na minha agenda: quando for novamente à Rio Branco ficar hospedado em hotel. HAHAHAHA

Se você for voltar a fazer natação para ficar como aqueles atletas... me avise para eu me mudar para Rio Branco AGORA! HAHAHAHAHA

O povo brasileiro tem uma cultura tão limitada que não é de se espantar que coisas como Calypso" façam tanto sucesso. Agradeço por esse sucesso todo não chegar com força em São Paulo.

E Carla Bruni é um anjo! @.@

Jannice Dantas disse...

Samuel, saudades de vc tbm!!

Eu tenho o Cd da Carla Bruni, antes mesmo de saber que ela é primeira dama. Na verdade antes mesmo dela ter música em novela da glogo. Mas ainda bem que nossa primeira dama não lançou cd, já imaginou O povo tendo que comprar e achar tudo lindo? rsrs

Beijo

Fred disse...

O texto começou sem graça...
Dei uma boa risada na parte em q seu avô vira o chuck noris e luta com o batman usando apenas uma vasoura e o enxota escada a baixo...
Depois ficou chato d novo...





ISSO É CALIPSOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!

Lívia disse...

Criatura, arruma logo essa carteirinha pra meia entrada no show! Pq se vc não fizer isso, invés de sentir vontade de ME xingar, vc vai é querer SE matar por ter q pagar 200 paus no show da Madonna!!!! rs.

Kamilla disse...

Quem não se empolgou com o Phelps nas olimpíadas que atire a primeira pedra! Ele para com o Quasímodo mesmo, a cara!
Eu encontrei um rato no meu quarto e eu fiz o maior escândalo, um morcego então!
Que coincidência! Eu falei no meu post sobre o CD do Calypso! hehe
Eu gosto de algumas músicas de Carla Bruni!

Victor Manfredine disse...

até q seria bem interessante ouvir
uma versão EMO do calipso.
em q partes do show será q a joelma daria aqueles gritos horríveis dela?
compraria só pra matar a curiosidade.
^^
depois queimaria e jogaria as cinzas fora,
é claro. ;]
abrçs aee

Miriane disse...

oxi, mataram o morceguim.. Calypso embalando suas noites, tenha medo! Que bom que tá trabalhando em 2 lugares! Vida adulta puxada.. achei lindo o tema do blog tb, lembra sua mochila que tem uns chaveirinhos lindos.

ocio degenerativo disse...

Samuel,

Como sempre você tem ótimos "causos", morri de rir... Parabéns!!!

Quanto ao cenário independente da música Brasileira, não sei se você se referia apenas a música eletronica, mas este é muito forte e muito bom, temos iniciativas e projetos incriveis em todo Brasil, porém, o grande gargalo é a divulgação e circulação destes artistas.

Abraços,

Alex

Sol! disse...

Finalmente a Saga de Vô malandrão versus morcego! Adoorooo

Ah, mto boa a sua participação via smart fone do frederico viu! mas seguinte amigo NÃO ADIANTA, MESMO ASSIM VC PERDEU!

Então vem logo pra ca vc e traz o fred na mala de novo!

prometo risadas, um vinho bom e aventuras intirgante shehehe

Luiz Korsakoff disse...

Então, eu até pensei em voltar a nadar também, mas aí lembrei que acordo as 6:30 e só chego em casa 23:30, nessas condições, só de madrugada mesmo.

[ironia]Tipow, suuuper adoro a banda Ky, eles são a parte mais expressiva do cenário indie nacional (selo independente, fora do eixo rio-são paulo e estilo diferente do já conhecido -isso quando eles começaram a tocar, ninguém que morasse fora do Pará nunca tinha ouvido falar no ritmo deles)ou você duvida disso?[/ironia]

Hahaha

Só mais uma coisa, eu adoro a Marisa e seus vestidos com estampa de sofá... Chiquérrima.

Hahaha

Maicom disse...

Calypso é, realmente, de matar! Não suportaria 30min ouvindo trancado no meu quarto, aposto.

Obrigado pela visita.
abração,
boa semana.

Talles Borges e Borges Moreira disse...

Haha nem fale daquela adoção kkkk
Sobre cinderela, nossa nem sabia disso, parabens a lea
Aos 50 anos de clássico rsrs
Acabei de postar te espero la!