quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Mortos-Vivos Musicais, Emos Funkeiros e “piri pipiri pipiri piri piriguete”

Eu tenho um passado negro, opa, passado afro-desentende (afinal, ontem foi Dia da Consciência Negra), quando o assunto é o meu gosto musical. Ai meu Deus, lá vou eu me gongar no meu próprio blog de novo. Enfim, quando eu era mais pequetito eu... eu... (porra, é difícil de admitir), mas eu ouvia Britney Spears, N’Sync, Five e (droga, eu to tremendo) Backstreet Boys. Ei, eu era uma criança, não riam de mim. Enfim, boy band’s era comigo mesmo. Porém, eu cresci, virei uma pessoa “culta”, entrosado nos “meios artísticos alternativos”, enterrei esse passado brutal e traumático, e passei a ouvir apenas aquilo que não é ouvido, dando extremo valor a musica francesa da qual eu não entendo bolhufas, mas que é cult, e ficando parado no meio da boate quando o DJ galeroso bota pra tocar a musica tema do Tropa de Elite (ei, eu fiz isso no fim de semana, me senti “o esnobe”).

Enfim, porque essa revelação de segredos bombásticos mesmo? Por causa do Dan. E quem é Dan? Ai, gente ignorante é foda. Alguém aqui se lembra do O-Zone? Não? Não os culpo. Sabe aquele marco na musica popular brasileira que mais parecia uma pérola de Caetano Veloso e Elis Regina intitulado Festa no Apê? A musica, que originou essa obra do Latino de tão bom gosto, se chama Dragostea Din Tei do antigo O-Zone. Mew, eu era fã deles, ouvia todas as musicas que aqueles baitolas faziam e adorava. O problema deles era justamente a viadagem. Quando eu assistia um clipe do O-Zone, eu sentia vergonha por eles, em alguns momentos eu abaixava a cabeça e pensava “eu realmente sou fã disso?”. Enfim, pelo seu ídolo você tem que engolir muitas coisas (to é bem comparado ao povo que adora a Britney “Fat no VMB” Spears).

O O-Zone acabou (e sinceramente, depois do clipe bizarro de Despre Tine eu não fiquei muito triste). Um resultado interessante do fim do O-Zone foi que definitivamente eu matei meu gosto por boy band’s e por musica dance, a mais renegada, popular e esdrúxula dos ramos da musica eletrônica. Porém, pouco tempo atrás, eu me deparei com um single de um ex integrante do O-Zone, o Dan (quase esqueci de voltar a falar dele), chamado Crazy Loop. Foi só ver o clipe e pronto, o mal antes adormecido e amaciado na Caverna do Dragão ressurgiu e tomou conta da minha pessoa igual um pedaço da alma de Voldermot inserida numa Horcruxe (Harry Potter, venha me salvar). O Dan está mais gay do que nunca, ele continua com aquele estilo de sempre, dança que nem um epilético com formiga na cueca, mas porra, Crazy Loop é muito bom. Típica musica dance do leste europeu (que tem seu mundo pop a parte diga-se de passagem).

Com o retorno das forças das trevas do meu gosto musical, eu acabei descobrindo algo pior do que tudo que eu já havia descoberto ate então, o próprio nome por si só já da medo, Bonde das Impostora (sem 's' mesmo). “Olha aqui sua cachorra, eu pulando da bagaça” (no momento escuto Funk da Biscate Caminhão). E o pior de tudo, é que tem gente que diz que isso é cult e ta super na moda. Pior mesmo é a composição do tal bonde (preparem-se), um emo e uma piriguete. Sim caros amigos, o apocalipse está próximo, abriram-se as porteiras do inferno, Nostradamus estava certo, o mundo vai acabar. Emos e piriguetes juntos? Cantando? E depois diziam que a Dercy Gonçalvez é decadente. Pior que isso só o Bonde do Role, que diga-se de passagem, faz mais sucesso lá nas terras européias do que no Brasil, sinceramente, que fiquem por lá.

Falando em piriguetes, lembrei de uma coisa, e não, não foi a musica do momento com o refrão super difícil de decorar em que se canta por vinte minutos sem parar para respirar “piri pipiri pipiri piri piriguete”. Eu tenho imã pra piriguete (lá vou eu me gongar de novo). Estou eu passando pela rua a noite voltando da faculdade, a piriguete para no meio da calçada, me olha de ponta a cabeça e solta um “Boa Noite gatinho” (mamãe me ensinou a ser educado, eu dei boa noite, mas apressei o passo). Quando isso aconteceu pela segunda vez eu percebi que o melhor é você ignorar e ir pro outro lado da rua. Enquanto isso vou quietinho tentando virar monge budista e me livrar dos pensamentos mundanos da carne.

Voltando ao meu terrível problema com as portas do inferno musical que se abriram para a minha vida, eu decidi que vou continuar curtindo o Dan, uma hora, naturalmente, essa onda retrô de O-Zone vai passar. Quanto aos bonde’s, espero que saiam dos trilho, batam num muro e morram (não eu não sou tão mal assim, percam as vozes e já ta de bom tamanho). Já as piriguetes... é, vou continuar atravessando a rua toda vez que encontrar uma dessas vindo na minha direção.

13 comentários:

Manu Falqueto disse...

Meu pai eterno!
Vai ser fresco assim lá longe,hein...
Olha, tu não dança a musica da tropa de eleite
Mas, canta piri pipiri pipiri geti!
hehehehehehee...
Mu, "libere o seu tonho interior"
ninguém vai te dar dez contos,mas e daí, não seja reprimido...
tô brincando...só p/pegar no seu pé mesmo...

Veriana Ribeiro disse...

preciso dizer algo: eu adoooooro Bonde do Role. Falto morrer de rir com as letras toscas que os ingleses acham ironicas ( mal sabem eles q naum saum, é q o povo daqui é idiota assim mesmo ). MAs serio, a musica do motoboy é hilaria! E essa dos camioneiros, eu já ouvi falar... mihna amiga ouve XDD ela tb tah nessa onde cult dos bondes hauahauhauah

Mas se eu poço me defender co0m algo é q no meu passado negro n tem boy bands (tudo bem q tem Sandy e Jr, Evanescence e Pitty... mas brit e boy band naum tinha!)

E concordo com a manu, menino, naum se reprima. Numa festa, boate e etc vale dançar priguete e tropa... é só culpar a bebida depois...mesmo q vc n beba XDD

Thaísa Lima disse...

para tudooO, já q virou um post de confissões vou confessar...eu assumo. Gosto de boy band...é maior do q eu hahaha...Pra terminar as confissões posso dizer q quando eu era pequena queria ser a Victoria das Spice Girls (pensando bem, já q ela é rica e casada com o beckham, axo q ainda quero ser ela)rsrsrsr.
E sei exatamente qual é o seu desespero pq os backstreet boys estão retornando e ainda não sei como vou lidar com isso.hahaha
Agora quanto a seu imã para piriguetes,conselho:nunca faça contato visual.

thiago disse...

o raphone foi responsável pela promoção do primeiro show do bonde das impostora (assim mesmo, sem o plural) aqui em são paulo. ele era promoter do katpub, um dos redutos alternativos da capital.

e amei o novo clipe do dan. mais gay impossível. HAHAHAHA

e como assim, não gostava do jeito gay de ser do o-zone? HAHAHAHA

uma vez uma moçoila pediu pra ficar comigo, quando eu tava no ponto de ônibus indo pra bubu...

e eu temo por você se essa coisa de atrair as menininhas continuar... acho que teremos problemas. HAHAHAHA

ana helena disse...

eu sei,eu sei...mas o medo da dor é maior...

ah!
eu tbm tenho um passado afro-desendente...ponha afro nisso!!
amei a forma como vc escreve!!
=*

GiselleXL disse...

everybodyyy.. yeah yeahh..

ahuahauhauhauhauha

sim individuo, é o teu pé lá mesmo!

=P

/ares disse...

eu lembro deles dançando em cima do avião!
numa numa yei!

jeronymo artur disse...

;)

Suellen Verçosa disse...

Putzzzzzzzzz...
Eu nuna tinha ouvido falar desses "bondes"...
kkkkkkkkkk...

Engraçado é que pirigueti tá em tudo que é lugar mesmo...
Acredito como vc que as porteiras do inferno estão escancaradas pra liberar tanta praga viu?

In off
(de tão curiosa que fiquei...vou acabar procurando no youtube os vídeos do bonde das impostora...)

Vê se pode uma coisa dessas?
E ainda consegue-se acreditar que alguém que realmente curte um treco destes têm gosto musical? (refinadíssimo não?)

=*

Walquíria Raizer disse...

Samuel, querido, tenho que dizer que alguns nominhos no teu texto me deixaram com a impressão de que não estou muito atualizada das novas desgraças sonoras...rsrs o que é bom, não é? rsrs
Sou uma desatualizada feliz. rsrs
Ler você é sempre maravilhoso, porque fico rindo o texto inteiro.
(...)
Não pára de escrever não, pois as suas fãs precisam desse teu mundo desencanado e bem humorado.
rsrs
beijo, beijo

Anônimo disse...

Bryan, fiquei decepcionado com vc.
Não sabia que a Britney Spears tinha feito uma apresentação no Brasil (e olha que eu sou fã).

A festa que premia os videos da MTV norte-americana esse ano não foi em Las Vegas?

~ 'Gusto

T.T

Raphael Perov disse...

kkkkkk
Lá vai mais uma.
Acredita que atualmente é que eu escuto boy bands? haha, sério.
Alias, estou meio retrô escutando neste exato momento Hanson.
Mas enfim, não sou fã de boy bands, apenas acho algumas músicas legais.

Haha Crazy Loope é manerinha, mas muito Hmm-ma-ma.

E Bonde do Role é engraçado, mas não curto. =P

Anônimo disse...

foda-se vc seu bicha

e a p@@@ta da tua mae